Passar para o Conteúdo Principal Top
C.M. Ílhavo - Voltar ao início
share rss facebook

Manuel Celestino Emydgio

Nasceu em Ílhavo, em Março de 1820, e faleceu em Lisboa a 26 de Julho de 1898.
Tendo frequentado a Universidade de Coimbra, formou-se em Direito em 1851.
Abriu, então, banca de advogado em Aveiro. Em 1855 foi eleito vereador da Câmara Municipal, e em 1857 nomeado Administrador deste Concelho.
Em 1859, obteve despacho de delegado por procurador régio de Moura, exercendo depois as mesmas funções nas comarcas de Fafe, Celorico da Bastos e Lisboa. Nesta última prestou relevantes serviços na descoberta dos crimes perpetuados pela famosa companhia denominada "Olho Vivo".
Em Setembro de 1868 foi promovido a Juiz de 3ª classe e colocado na Comarca de Taboa.
Anos depois presidiu ao tribunal do Comércio da Cidade do Porto. A Associação Comercial da mesma cidade ofereceu-lhe uma pasta de marroquim, com as suas iniciais em oiro, contendo uma honrosa mensagem.
O Dr. Manuel Celestino Emygdio, morreu juiz da relação de Lisboa e por muitos anos serviu nos tribunais dos 1º e 3º distritos da Comarca de Lisboa.
Era um magistrado reto conscensioso e, apesar da sua aparência ríspida e do seu génio arrebatado, tinha coração generoso e propenso ao bem.

 

voltar à página anterior